MP amplia prazo de gratificação paga a servidores cedidos à AGU



A Medida Provisória 872/19 amplia para até 4 de dezembro de 2020 o prazo de pagamento das gratificações de Representação de Gabinete; e Temporária destinadas a servidores ou empregados requisitados pela Advocacia-Geral da União (AGU).

Pela Lei 10.480/02, que trata do plano de carreira da AGU, essas gratificações só valeriam até o dia 31 de janeiro de 2019.


Representação

A proposta também inclui os integrantes da Secretaria Nacional de Segurança Pública (Senasp) vindos do Ministério da Justiça e Segurança Pública entre os que poderão ser representados pela Advocacia-Geral da União (AGU) em casos de investigação ou processo judicial.

Até então, a lei de cooperação federativa na área de segurança (11.473/07) previa essa assistência aos integrantes da Força Nacional de Segurança Pública, da Secretaria de Operações Integradas e do Departamento Penitenciário Nacional que trabalham na Senasp.


Tramitação

A MP 872/19 será analisada por uma comissão mista, formada por deputados e senadores. Depois, seguirá para votação nos plenários da Câmara dos Deputados e do Senado Federal.
Fonte: Agência Câmara, em 01/02/2019
Compartilhe

Todas as notícias e artigos publicados são de responsabilidade de seus autores e fontes, conforme citados acima no link, não refletindo a opinião do Portal do Servidor Federal.

Acompanhe também o Portal do Servidor Federal pelo Facebook e pelo Twitter.

Clique aqui e faça cursos de capacitação 100% online com certificado, a partir de R$ 20,00.

Baixe gratuitamente nosso aplicativo, e receba um resumo de todas as notícias no seu smartphone.
Notícia anterior
Próxima notícia