Executivo, Legislativo e Judiciário firmam proposta de cooperação em Gestão de Pessoas



Promover a cooperação técnica, científica e educacional entre as áreas de Gestão de Pessoas dos três Poderes da União. Este é o objetivo do acordo, assinado nesta sexta-feira (7), pelo Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão (MP) com órgãos do Legislativo e Judiciário. O documento oficializa a Comunidade de Gestão de Pessoas Interpoderes.

“É uma satisfação assinar este protocolo de intenções para conseguirmos trocar informações, ferramentas e sistemas. O que pudermos fazer para a economia de recursos públicos, temos de fazer”, disse Augusto Chiba, secretário Gestão de Pessoas do MP. Para Chiba, é importante trabalhar em conjunto e com a colaboração de todos por uma melhoria na área em toda a União.

Outra finalidade do protocolo de intenções é desenvolver e executar em conjunto programas e projetos, integrando as políticas públicas da área. Isto vai possibilitar, por exemplo, que boas práticas sejam replicadas e disseminadas em todos os Poderes.

O acordo não envolve transferência de recursos e tem validade por dois anos. Assinaram o protocolo de intenções representantes do Senado, Câmara dos Deputados, Tribunal de Contas da União (TCU), Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP) e Conselho Nacional de Justiça (CNJ).

A próxima reunião da comunidade ocorrerá em março de 2019, quando será divulgado o cronograma de futuras pautas. ​
Fonte: Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão, em 07/12/2018
Compartilhe

Todas as notícias e artigos publicados são de responsabilidade de seus autores e fontes, conforme citados acima no link, não refletindo a opinião do Portal do Servidor Federal.


Discuta este e outros assuntos de seu interesse no Fórum do Servidor Federal. Clique aqui para participar!

Acompanhe também o Portal do Servidor Federal pelo Facebook e pelo Twitter.

Clique aqui e faça cursos de capacitação 100% online com certificado, a partir de R$ 20,00.

Baixe gratuitamente nosso aplicativo, e receba um resumo de todas as notícias no seu smartphone.
Notícia anterior
Próxima notícia