Notícias Artigos Apostilas para concursos Cursos de capacitação Advogado online Forum Permutas Contato

17 abril 2017

Desde o início de sua implantação, em fevereiro, o TáxiGov começou a ser utilizado por quatro órgãos do Executivo Federal – Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão (MP), Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovação e Comunicações (MCTIC), Ministério da Transparência, Fiscalização e Controladoria-Geral da União (CGU) e Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA). O serviço tem por objetivo melhorar a eficiência do gasto público, gerando uma economia de aproximadamente R$ 20 milhões por ano relacionada ao transporte administrativo de servidores e maior controle e transparência do serviço.

“O mesmo percurso realizado pelo TáxiGov custa cerca de 60% menos em relação a contratos anteriores do governo federal”, disse o secretário de Gestão do MP, Gleisson Rubin.


O modelo substitui carros próprios e locados e a estimativa é que, até o início de 2018, todos os ministérios localizados no Distrito Federal estejam utilizando o serviço. Para a utilização do transporte, os usuários podem solicitar o veículo por meio de aplicativo para smartphone, via web ou por Central de Atendimento.

Dados do Ministério do Planejamento, órgão responsável pela gestão do serviço, mostram que os ministérios que utilizam o TáxiGov realizaram, até o momento, 2.968 corridas, atendendo a 955 servidores. O tempo médio de atendimento das solicitações foi de 4 minutos. O sistema também capta a avaliação dos usuários sobre o motorista e o veículo, variando de 1 (péssimo) a 5 (ótimo) estrelas. A média das avaliações é de 4,69 estrelas.
 
 
Diretrizes

Em fevereiro, o MP publicou a Instrução Normativa nº 2/2017, que estabelece diretrizes e procedimentos para o TáxiGov. A norma regulamenta atribuições e responsabilidades dos usuários e órgãos, além de definir os instrumentos de adesão e descentralização de créditos orçamentários e recursos financeiros. Aborda, ainda, regras de custeio, limite de despesa, instruções relacionadas à solicitação, execução e confirmação do serviço.

Os órgãos interessados em adotar o novo modelo deverão firmar Termo de Adesão (TA) e Termo de Execução Descentralizada (TED) com o Planejamento, responsável por firmar os contratos com o fornecedor. As autarquias e fundações também poderão utilizar o serviço a partir da adesão à Ata de Registro de Preços nº 02/2016.

Confira o cronograma de implantação dos órgãos ao TáxiGov aqui.

Fonte: Ministério do Planejamento, em 17/04/2017
Esta publicação tem caráter meramente informativo. Todos os artigos e notícias são de responsabilidade de seus autores e fontes, conforme citados acima no link, não refletindo necessariamente a opinião deste site.

Discuta este e outros assuntos de seu interesse no Fórum do Servidor Federal. Clique aqui para participar!

Tire suas dúvidas jurídicas com um advogado online.

Clique aqui, baixe gratuitamente o aplicativo do Portal do Servidor Federal, e receba um resumo de todas as notícias no seu smartphone.

Acompanhe também o Portal do Servidor Federal pelo Facebook e pelo Twitter.

Nosso aplicativo

Nosso aplicativo
Use um leitor de QR Code para instalar no seu celular

Siga o Portal nas redes sociais

Cursos de capacitação online