Planejamento realiza encontro sobre novo modelo de transporte de servidores no Distrito Federal


Compartilhe esta publicação:

O Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão (MP) realizou, neste mês de novembro, o “I Encontro sobre Implantação do Contrato Centralizado para Transporte de Servidores no Distrito Federal”. No evento, foram apresentados detalhes sobre o novo modelo de agenciamento de transporte terrestre dos servidores, empregados e colaboradores a serviço dos órgãos da Administração Pública Federal. Com a iniciativa, haverá substituição de carros próprios e alugados por táxis, e o pagamento passará a ser realizado por quilômetro percorrido e por tempo de utilização. A economia anual estimada é de R$ 20 milhões.

Estiveram presentes no encontro representantes das área de Planejamento, Orçamento e Administração e os responsáveis pela gestão dos serviços de transporte dos seguintes órgãos: Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA); Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovação e Comunicação (MCTIC); Ministério da Defesa (MD); Ministério do Planejamento; e Ministério da Transparência, Fiscalização e Controladoria-Geral da União (CGU).


Os gestores e servidores conheceram o histórico do projeto, fluxo de atividades e papéis de cada parte envolvida, processos associados e resultados esperados. A empresa vencedora da licitação, Shalom LTDA, mostrou as funcionalidades do aplicativo que será utilizado para realização das corridas e simulou, em tempo real, como será realizado o atendimento e a gestão dos serviços. Os participantes também tiveram acesso a informações sobre os procedimentos para implantação do modelo, próximas etapas e datas estimadas para inclusão de órgãos do Executivo Federal.

A implantação do novo modelo nos órgãos da Administração Direta será gradual, de acordo com as datas de encerramento dos contratos atuais de locação de veículos. A partir de janeiro de 2017 os ministérios serão acionados pela Central de Compras do MP para o desenvolvimento de uma agenda de trabalho conjunta, a fim de possibilitar o ingresso no novo modelo. Mais informações sobre o projeto podem ser obtidas aqui.

Fonte: Ministério do Planejamento, em 16/11/2016

Esta publicação tem caráter meramente informativo. Todos os artigos e notícias são de responsabilidade de seus autores e fontes, conforme citados acima no link, não refletindo necessariamente a opinião deste site.

Tire suas dúvidas jurídicas com um advogado online.

Discuta este e outros assuntos de seu interesse no Fórum do Servidor Federal. Clique aqui para participar!

Clique aqui, baixe gratuitamente o aplicativo do Portal do Servidor Federal, e receba um resumo de todas as notícias no seu smartphone.