>>
Notícias Artigos Apostilas para concursos Cursos de capacitação Advogado online Forum Contato

11 julho 2016

Representantes de dezesseis estados (AC, CE, ES, GO, MA, MG, MS, MT, PE, PR, RJ, RO, RS, SC, SP, TO) e o Distrito Federal participaram de um encontro nacional dos servidores da Área Agrária. Além do encontro que debateu a conjuntura, levantou prioridades e pautas específicas do setor, foi promovido um seminário para discutir desenvolvimento e Reforma Agrária.

O presidente interino do Incra, Leonardo Góes Silva, foi ao encontro dos servidores e respondeu dúvidas e questões levantadas pela categoria, principalmente sobre o processo de reestruturação e mudanças que estão ocorrendo nesse momento de incertezas políticas. Servidor do Incra, o presidente elencou alguns eixos que considera prioritários que incluem modernização da gestão e valorização dos servidores. Confira aqui a íntegra dos dois dias de encontro dos servidores.

A Condsef vai manter pressão junto a representantes do governo interino na Área Agrária e vai continuar cobrando o atendimento das pautas essenciais e prioritárias para a categoria. A luta para garantir o fortalecimento do setor que é um dos pilares na direção do fomento e incentivo à agricultura familiar. No encontro, os servidores destacaram que o Incra é um dos poucos órgãos com atuação capilarizada em todos os rincões do Brasil, portanto, tem potencial enorme para alcance e atendimento transformador das comunidades rurais. Esse trabalho é fundamental para transformar a realidade brasileira que, hoje, concentra 72% de nosso território no cultivo de somente três produtos: cana de açúcar, soja e milho.

Além disso, foi sugerido que a categoria trabalhe propostas, incluindo demonstração dos resultados e benefícios para a sociedade brasileira que mostrem o know-how dos servidores. Sobre a necessária discussão que está embutida na continuidade do trabalho importante para a sociedade, relativa à reestruturação de carreira e a melhoria salarial, a Condsef vai seguir cobrando cumprimento de acordos e demandas dos servidores de sua base. A cobrança de audiências e os trabalhos de força tarefa no Congresso Nacional em defesa da pauta dos servidores seguem permanentes.


Plano de luta

Durante o encontro, foram definidas e votadas as prioridades que devem compor o plano de luta da categoria. Entre as bandeiras está a integração em lutas gerais contra projetos como a PEC 241/16, o PLP 257/16 e contra uma nova Reforma da Previdência. A equiparação do valor do auxílio-alimentação com os poderes Judiciário e Legislativo também estão nessa lista. O fortalecimento da Geap foi outra pauta defendida. A construção de uma Greve Geral em conjunto com outros órgãos federais, em defesa dos trabalhadores, movimentos sociais e povos excluídos é outro destaque.
Fonte: Condsef, em 11/07/2016
Esta publicação tem caráter meramente informativo. Todos os artigos e notícias são de responsabilidade de seus autores e fontes, conforme citados acima no link, não refletindo necessariamente a opinião deste site.

Discuta este e outros assuntos de seu interesse no Fórum do Servidor Federal. Clique aqui para participar!

Tire suas dúvidas jurídicas com um advogado online.

Clique aqui, baixe gratuitamente o aplicativo do Portal do Servidor Federal, e receba um resumo de todas as notícias no seu smartphone.

Acompanhe também o Portal do Servidor Federal pelo Facebook e pelo Twitter.

Siga o Portal nas redes sociais

Cursos de capacitação online