Auditores abrem guerra contra servidores do Planejamento


A guerra aberta pelos auditores da Receita Federal, que cobram o cumprimento do acordo que lhes garante reajustes de 21,3%, está ganhando contornos perigosos, que podem resultar em sérios problemas ao governo. Por meio de um comunicado público, eles acusam os funcionários do Ministério do Planejamento de criarem dificuldades para que o aumento dos salários se torne realidade.

Há tempos não se vê uma batalha aberta entre carreiras do governo. Os auditores dizem que, a cada momento, os funcionários do Planejamento alegam um problema para encaminhar o projeto de lei ao Congresso. O acordo com os auditores para a correção salarial foi fechado em março, ainda no governo de Dilma Rousseff.

Em represália, os auditores ameaçam fazer ações mais contundentes que as realizadas ontem, que provocaram muitos transtornos à população, sobretudo nos aeroportos.

Veja aqui a carta aberta dos auditores.
Fonte: Correio Braziliense, em 15/07/2016
Compartilhe
Notícia anterior
Próxima notícia