Plenário aprova reajuste para 197 mil servidores


Compartilhe esta publicação:

O Plenário da Câmara dos Deputados aprovou, nesta quinta-feira (2), o Projeto de Lei 4250/15, do Executivo, que reajusta a remuneração de várias carreiras do Executivo. A matéria será votada ainda pelo Senado.

O reajuste alcançará um total de 197.535 servidores civis ativos e 397.958 aposentados e pensionistas, com um custo de R$ 1,07 bilhão em 2016, de R$ 4,5 bilhões em 2017, R$ 4,55 bilhões em 2018 e R$ 4,66 bilhões em 2019.

Serão beneficiados com aumentos de 11,5% de agosto de 2016 a janeiro de 2017 servidores de carreiras de:

- Ciência e Tecnologia;
- Tecnologia Militar;
- Previdenciária do Plano de Classificação de Cargos;
- Seguridade Social e do Trabalho;
- fiscalização federal agropecuária;
- defesa aérea e controle de tráfego aéreo;
- Seguro Social;
- Departamento Nacional de Produção Mineral (DNPM);
- carreiras do Departamento de Polícia Rodoviária Federal;
- Secretaria de Patrimônio da União;
- pessoal do Ministério do Meio Ambiente, do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) e do Instituto Chico Mendes;
- especialista em Meio Ambiente;
- Previdência, Saúde e Trabalho;
- Instituto Brasileiro de Turismo (Embratur);
- Plano Geral de Cargos do Poder Executivo;
- agentes de Saúde Pública e Combate a Endemias;
- Hospital das Forças Armadas;
- Agência Brasileira de Inteligência (Abin);
- Fundação Nacional do Índio (Funai);
- Pesquisa e Investigação Biomédica em Saúde Pública;
- Ministério da Fazenda;
- Imprensa Nacional;
- auditor fiscal federal agropecuário;
- empregos públicos do Hospital das Forças Armadas (HFA);
- Plano de Classificação de Cargos dos Ex-Territórios Federais.

Fonte: Agência Câmara de notícias, em 03/06/2016

Esta publicação tem caráter meramente informativo. Todos os artigos e notícias são de responsabilidade de seus autores e fontes, conforme citados acima no link, não refletindo necessariamente a opinião deste site.

Tire suas dúvidas jurídicas com um advogado online.

Discuta este e outros assuntos de seu interesse no Fórum do Servidor Federal. Clique aqui para participar!

Clique aqui, baixe gratuitamente o aplicativo do Portal do Servidor Federal, e receba um resumo de todas as notícias no seu smartphone.