Servidores vão ao Congresso defender PL´s fruto de acordos firmados com governo


Compartilhe esta publicação:

Servidores federais vão dedicar essa semana a um trabalho de força tarefa no Congresso Nacional com destaque para a cobrança pela retirada imediata do PLP 257/2016 e aprovação de PL´s que são fruto de acordos firmados com o governo no ano passado. O Fórum das Entidades Nacional dos Servidores Públicos Federais (Fonasef) vai distribuir aos parlamentares uma carta (veja aqui) solicitando que o Congresso Nacional assegure o cumprimento de acordos firmados com o governo no processo de negociações do ano passado.

As entidades que compõem o Fonasef trabalham para mapear a agenda do Congresso e dos trâmites desses projetos. Entre eles também está a busca pela retirada da PEC 149/2015. A PEC que prevê o fim do abono de permanência está na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara dos Deputados aguardando indicação de um novo relator.

Amanhã, dia 10, também está previsto um dia nacional de paralisação dos setores produtivos, das iniciativas pública e privada, convocado por centrais sindicais, entre elas a CUT e a CTB. O momento político pelo qual atravessa o país exige de todos nós atenção e participação ativa para evitar e barrar retrocessos e retirada de direitos conquistados a duras penas pela classe trabalhadora. Não vamos aceitar ser sacrificados para que a crise instalada no Brasil seja solucionada. Permanecemos na luta com a certeza de que sempre valerá a pena defender nossos direitos e a democracia. Nenhum direito a menos, nenhum passo atrás.

Fonte: Condsef, em 09/05/2016

Esta publicação tem caráter meramente informativo. Todos os artigos e notícias são de responsabilidade de seus autores e fontes, conforme citados acima no link, não refletindo necessariamente a opinião deste site.

Tire suas dúvidas jurídicas com um advogado online.

Discuta este e outros assuntos de seu interesse no Fórum do Servidor Federal. Clique aqui para participar!

Clique aqui, baixe gratuitamente o aplicativo do Portal do Servidor Federal, e receba um resumo de todas as notícias no seu smartphone.