Processo dos 13,23% é retirado de pauta no STF


Compartilhe esta publicação:

Os coordenadores do Sindjus Costa Neto, Ednete Bezerra, Elcimara Souza e Júnior Alves, coordenadores da Fenajufe, de outros sindicatos e servidores acompanharam a sessão da 2ª Turma do STF, que julgaria a reclamação 14.872, que trata dos 13,23%. No entanto, o processo que poderia garantir essa conquista para os servidores e estender o pagamento desse direito aos demais colegas que ainda não o recebem foi retirado de pauta.

Os advogados do Sindjus informam que a retirada de pauta é uma prática comum, cuja motivação é desconhecida e irrelevante para o processo. A avaliação política do Sindjus é de que o Supremo adia a decisão sobre esse assunto esperando o desenrolar do PL 2648/15, cuja redação atual prevê a incorporação dos 13,23% no percentual da recomposição salarial proposto.

O fato é que sem essa decisão, continua valendo a liminar do ministro Gilmar Mendes que suspendeu a execução do processo dos servidores da Justiça do Trabalho.

Fonte: Sindjus-DF, em 10/05/2016

Esta publicação tem caráter meramente informativo. Todos os artigos e notícias são de responsabilidade de seus autores e fontes, conforme citados acima no link, não refletindo necessariamente a opinião deste site.

Tire suas dúvidas jurídicas com um advogado online.

Discuta este e outros assuntos de seu interesse no Fórum do Servidor Federal. Clique aqui para participar!

Clique aqui, baixe gratuitamente o aplicativo do Portal do Servidor Federal, e receba um resumo de todas as notícias no seu smartphone.