Câmara dispensa funcionários em razão de ato pró-governo


Compartilhe esta publicação:

A Câmara dos Deputados dispensou todos os servidores da Casa e os terceirizados a partir das 17h desta quinta-feira e determinou o encerramento das atividades legislativas em razão do ato marcado pelas entidades que apoiam o governo.

Quem não tiver cumprido a carga horária terá as horas abonadas. A decisão de esvaziar a Casa foi do presidente, Eduardo Cunha (PMDB-RJ).

“A decisão é para facilitar o retorno dos funcionários às suas casas, em decorrência da manifestação que bloqueará os acessos aos prédios da Câmara”, diz comunicado da diretoria-geral.

Fonte: site da Revista Veja, publicado em 31/03/2016

Esta publicação tem caráter meramente informativo. Todos os artigos e notícias são de responsabilidade de seus autores e fontes, conforme citados acima no link, não refletindo necessariamente a opinião deste site.

Tire suas dúvidas jurídicas com um advogado online.

Discuta este e outros assuntos de seu interesse no Fórum do Servidor Federal. Clique aqui para participar!

Clique aqui, baixe gratuitamente o aplicativo do Portal do Servidor Federal, e receba um resumo de todas as notícias no seu smartphone.