Supremo confirma negociação com governo para votação do reajuste no mais curto prazo possível, sem perda remuneratória para servidores


Compartilhe esta publicação:

A coordenadora da Fenajufe e membro da Comissão de Negociação, Iracema Pompermayer, esteve em contato nesta quarta-feira, 4, com o Juiz Auxiliar do Gabinete da Presidência do Supremo Tribunal Federal, Paulo Luiz Schmidt. O objetivo era tratar do agendamento de uma reunião entre a Comissão e tribunal, para logo após o Carnaval.

Segundo o juiz auxiliar, a reunião deve acontecer em breve, mas deverá ser agendada pelo gabinete do Diretor Geral do STF, Amarildo Vieira, em resposta a expediente da Fenajufe solicitando o encontro.

Durante a conversa, Luiz Paulo Schmidt confirmou a existência de negociação entre o Supremo e o governo, para garantir o aproveitamento dos recursos já constantes na LOA, para o pagamento dos meses de janeiro e fevereiro, tendo em vista a impossibilidade de retroação do reajuste, prevista no parágrafo 2º do artigo 74 da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO).

Sobre o prazo de conclusão das negociações, Schimidt adiantou que o processe deve ser finalizado o mais rápido possível ainda em fevereiro, para viabilizar a votação do PL 2648/2015, no plenário da Câmara, já no início do mês de março.

A informação reforça a afirmação do chefe de gabinete doa liderança do governo na Câmara, Lourimar Rabelo. Em encontro mantido com os coordenadores Adilson Rodrigues, Cledo Vieira e Iracema Pompermayer, na quarta-feira, 3. Rabelo acredita que no início de março, o PL do reajuste dos servidores do Judiciário Federal, possa ser votado. A pauta de fevereiro continua trancada por Medidas Provisórias de interesse do governo. A base do governo tentará limpar a pauta até o fim do mês.

Outro entrave que se configura é a definição do rito de impeachment pelo STF e o processo de afastamento do presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB/RJ), na Comissão de Ética.

http://www.fenajufe.org.br/index.php/imprensa/ultimas-noticias/fenajufe/3843-supremo-confirma-negociacao-com-governo-para-votacao-do-reajuste-no-mais-curto-prazo-possivel-sem-perda-remuneratoria-para-servidores

Esta publicação tem caráter meramente informativo. Todos os artigos e notícias são de responsabilidade de seus autores e fontes, conforme citados acima no link, não refletindo necessariamente a opinião deste site.

Tire suas dúvidas jurídicas com um advogado online.

Discuta este e outros assuntos de seu interesse no Fórum do Servidor Federal. Clique aqui para participar!

Clique aqui, baixe gratuitamente o aplicativo do Portal do Servidor Federal, e receba um resumo de todas as notícias no seu smartphone.