Comissão de Negociação da Fenajufe reúne-se com senador Paulo Rocha e STF


Compartilhe esta publicação:

Dando prosseguimento aos trabalhos no Congresso nacional em busca de espaços para negociar as alterações no PL 2648/2015, aprovadas na reunião “ampliadinha” entre a Fenajufe e os sindicatos filiados, a Comissão Nacional de Negociação reuniu-se com o senador Paulo Rocha (PT/PA) e defendeu as mudanças exigidas pela categoria. Da reunião participaram os coordenadores membros da Comissão Cledo Vieira, Eugênia Lacerda, Luis Claudio Correa e Saulo Arcangeli, acompanhados também pelo coordenador da Fenajufe Tarcísio Ferreira e o Diretor Geral do Supremo Tribunal Federal (STF), Amarildo Vieira. Estiveram presentes também os diretores do Sisejufe/RJ, Valter Nogueira e Mariana Ornelas.

Os representantes da Federação apresentaram ao senador as mudanças pretendidas no PL 2648/2015 dando destaque à redução do parcelamento; à supressão do artigo 6º do projeto e a Incorporação dos valores previstos para o aumento das CJs na recomposição salarial de toda a categoria. Após ouvir a Comissão, o senador indagou o Diretor Geral sobre qual a posição oficial do STF. Amarildo Vieira informou que o Supremo não se opõe às duas primeiras reivindicações. Mas ponderou que, em razão do impacto no orçamento isso depende do governo. Quanto as CJs, destacou que é uma pauta prioritária para as administrações do STF e Tribunais Superiores, logo, de difícil acordo quanto à sua retirada.

Ao final do encontro o senador se colocou como conciliador entre a Fenajufe, o STF e o governo. O objetivo é construir um acordo para viabilizar a votação com segurança e agilidade no Congresso Nacional

Uma reunião entre a Fenajufe, o STF e as lideranças do governo - senador Paulo Rocha e deputado José Guimarães (PT/CE)- está agendada para a quinta-feira, 10.

http://www.fenajufe.org.br/index.php/imprensa/ultimas-noticias/fenajufe/3785-comissao-de-negociacao-da-fenajufe-reune-se-com-senador-paulo-rocha-e-stf

Esta publicação tem caráter meramente informativo. Todos os artigos e notícias são de responsabilidade de seus autores e fontes, conforme citados acima no link, não refletindo necessariamente a opinião deste site.

Tire suas dúvidas jurídicas com um advogado online.

Discuta este e outros assuntos de seu interesse no Fórum do Servidor Federal. Clique aqui para participar!

Clique aqui, baixe gratuitamente o aplicativo do Portal do Servidor Federal, e receba um resumo de todas as notícias no seu smartphone.