Veto do aumento do Judiciário Federal será votado na próxima semana


Compartilhe esta publicação:

O veto presidencial do reajuste médio de 56% em quatro anos para os servidores do Poder Judiciário Federal está previsto para ser apreciado pelo Congresso nos dias 17 ou 18 deste mês. Em uma tentativa de mobilização dos parlamentares que ainda estão indecisos e podem votar a favor do funcionalismo, os representantes dos servidores elaboraram uma série de atividades para pressionar os deputados e senadores a votar a favor do funcionalismo. Os sindicatos regionais vão promover caravanas para levar os servidores a Brasília. Em um dos atos que antecederam a aprovação do reajuste no Congresso, aproximadamente 10 mil servidores marcaram presença na Praça dos Três Poderes e na Esplanada dos Ministérios. No Rio de Janeiro, a caravana está marcada para sair no próximo dia 16.

A partir de amanhã, os servidores do Judiciário que atuam no Congresso também vão visitar gabinetes e comissões do Senado Federal e da Câmara dos Deputados para manter e buscar apoio de parlamentares.

No Rio, o Sisejufe divulgou, em nota, que pretende anunciar em outdoors próximos aos aeroportos Santos Dumont e Aeroporto Internacional Tom Jobim a necessidade de se manter compromissos assumidos com a categoria. Caso a entidade consiga custear as propagandas, elas serão instaladas nesta semana no locais. Também no dia 16, as entidades sindicais vão convocar os servidores para colocar às 20 horas a hastag #PLC28derrubaOVeto nas mídias sociais.

Até o momento, todos os assuntos relacionados ao reajuste salarial do Judiciário estão travados no Congresso. Além da espera pela derrubada do veto, também está parado o Projeto de Lei 2.648/2015, apresentado pelo governo, que estabelece 41,47% de aumento. Os servidores rejeitam a proposta e defendem o projeto original.

http://blogs.odia.ig.com.br/coluna-do-servidor/2015/11/08/veto-do-aumento-do-judiciario-federal-sera-votado-na-proxima-semana/

Esta publicação tem caráter meramente informativo. Todos os artigos e notícias são de responsabilidade de seus autores e fontes, conforme citados acima no link, não refletindo necessariamente a opinião deste site.

Tire suas dúvidas jurídicas com um advogado online.

Discuta este e outros assuntos de seu interesse no Fórum do Servidor Federal. Clique aqui para participar!

Clique aqui, baixe gratuitamente o aplicativo do Portal do Servidor Federal, e receba um resumo de todas as notícias no seu smartphone.