"Não será possível aumento de 78% a servidores", diz Lewandowski


Compartilhe esta publicação:

O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Ricardo Lewandowski, afirmou, nesta quarta-feira (14/10), que os servidores não terão reajuste de 78%. "Infelizmente, diante da crise econômica que o país está passando, não será possível conceder o aumento de 78%". Lewandowski disse ainda que não é possível que haja mudança alguma no que já foi combinado com o Executivo e que "os servidores correm o risco de perder o que já está programado no orçamento."

O ministro deu entrevista a jornalistas após participar de uma solenidade sobre audiência de custódia, no Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios (TJDFT), que vai receber os servidores do judiciário para uma conversa sobre o reajuste salarial.

Desde as 9h, cerca de 300 servidores do judiciário (número da Polícia Militar) se reúnem nas três entradas do tribunal à espera da chegada do ministro. Eles devem se reunir na tarde de hoje, mas ainda não há horário definido.

Eles decidiram, em assembleia, na última terça-feira (13/10), que a greve continuará por tempo indeterminado e o objetivo do movimento - que usa vuvuzelas, cornetas e faz muito barulho na frente do tribunal - é continuar até que Lewandowski converse com o presidente do Congresso, Renan Calheiros, para que seja apreciado no plenário da casa o veto número 28 da presidente Dilma Rousseff que barrou o reajuste de 78% esperado.

http://www.correiobraziliense.com.br/app/noticia/economia/2015/10/14/internas_economia,502419/lewandowski-afirma-que-servidores-do-judiciario-nao-terao-reajuste-de.shtml

Esta publicação tem caráter meramente informativo. Todos os artigos e notícias são de responsabilidade de seus autores e fontes, conforme citados acima no link, não refletindo necessariamente a opinião deste site.

Tire suas dúvidas jurídicas com um advogado online.

Discuta este e outros assuntos de seu interesse no Fórum do Servidor Federal. Clique aqui para participar!

Clique aqui, baixe gratuitamente o aplicativo do Portal do Servidor Federal, e receba um resumo de todas as notícias no seu smartphone.