Em protesto, servidora se acorrenta diante do Congresso


Compartilhe esta publicação:

A servidora Dora Castro, do TRT de Alagoas, acorrentou-se em frente ao Congresso Nacional para protestar contra as manobras que impedem a votação do veto ao projeto de reposição salarial dos servidores do Judiciário Federal. A servidora considera desumano o tratamento que os servidores vêm recebendo do governo e dos parlamentares.

A sessão do Congresso que apreciaria o veto 26 nesta terça-feira, 6, chegou a ser instalada, mas foi adiada em menos de uma hora por falta de quórum. Ela foi remarcada para esta quarta-feira, 7, às 11h30.

Na semana passada, a disputa por cargos no governo Dilma (PT) e o impasse em torno do financiamento de campanhas eleitorais já havia impedido a apreciação dos vetos presidenciais, incluindo o da reposição salarial do Judiciário. Os servidores permaneceram por toda a tarde e início da noite na expectativa de que a sessão fosse realizada. No entanto, o presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB/RJ), convocou sucessivas sessões deliberativas e impediu a sua instalação.

A atitude de Cunha foi uma retaliação ao presidente do Senado e do Congresso, Renan Calheiros (PMDB/AL), que se recusou a pautar o veto da presidente Dilma Rousseff (PT) ao artigo que permitia o financiamento empresarial na Lei da Minirreforma Política.

Com a sessão remarcada para esta terça-feira, 6, os servidores voltaram para os seus estados e reorganizaram novas caravanas nesta semana.

Em vídeo exibido nas redes sociais, Dora Castro afirma que não pretende voltar para Alagoas se o veto 26 não for derrubado.

http://www.sintrajud.org.br/conteudo/detalhe_noticia.php?cod=4224

Esta publicação tem caráter meramente informativo. Todos os artigos e notícias são de responsabilidade de seus autores e fontes, conforme citados acima no link, não refletindo necessariamente a opinião deste site.

Tire suas dúvidas jurídicas com um advogado online.

Discuta este e outros assuntos de seu interesse no Fórum do Servidor Federal. Clique aqui para participar!

Clique aqui, baixe gratuitamente o aplicativo do Portal do Servidor Federal, e receba um resumo de todas as notícias no seu smartphone.