MPU: Fenajufe trabalha pela rejeição do substitutivo ao PLC 41 na CTASP


Compartilhe esta publicação:

Comitiva formada por dirigentes da Fenajufe, Sinasempu e Sindjus/DF estiveram reunidos na terça-feira, 1, com o presidente da Comissão de Trabalho, de Administração e Serviço Público (CTASP) da Câmara dos Deputados, Benjamim Maranhão (SD/PB). Na pauta, o pedido de rejeição ao substitutivo do PLC 41/2015, proposta rebaixada aprovada em um acordo entre o Procurador Geral da República Rodrigo Janot, a presidente Dilma Rousseff e o relator do projeto original, senador Valdir Raupp. A proposta foi rechaçada pela categoria, que luta pela aprovação do PL 7919/2014 original.

Após mostrar conhecimento sobre os projetos dos servidores do Judiciário federal e MPU que tramitam na CTASP e que não têm apoio da categoria, o presidente afirmou que o deputado, também do Solidariedade, Áureo Lídio Moreira Ribeiro (RJ), reivindicou a relatoria do projeto.

Maranhão disse ainda que vai trabalhar pela derrubada do veto ao PLC 28/2015 e que a bancada do Solidariedade já definiu que votará junta. Na avaliação dele, o ajuste fiscal é apenas pano de fundo para problemas mais estruturais criados pelo governo.

Na avaliação do coordenador da Fenajufe, Saulo Arcangeli na reunião ficou clara a posição dos servidores. “Foi importante reafirmar ao presidente da CTASP que a categoria não aceita o PL 2648/15 dos servidores do Judiciário Federal e nem o substitutivo ao PLC 41 dos servidores do MPU e que vai lutar contra qualquer manobra do governo de pedido de urgência para encaminhar os dois projetos direto ao plenário”, avalia.

http://www.sindjusdf.org.br/Leitor.aspx?codigo=6660&origem=Default

Esta publicação tem caráter meramente informativo. Todos os artigos e notícias são de responsabilidade de seus autores e fontes, conforme citados acima no link, não refletindo necessariamente a opinião deste site.

Tire suas dúvidas jurídicas com um advogado online.

Discuta este e outros assuntos de seu interesse no Fórum do Servidor Federal. Clique aqui para participar!

Clique aqui, baixe gratuitamente o aplicativo do Portal do Servidor Federal, e receba um resumo de todas as notícias no seu smartphone.