CDE aponta ressalvas em proposta do governo que devem ser analisadas em plenária nacional e debatidas no Planejamento


Compartilhe esta publicação:

O Conselho Deliberativo de Entidades (CDE) da Condsef se reuniu nesta quarta-feira para debater a proposta do governo que envolve índice de 10,8% num prazo de dois anos (2016-2017). Representantes de 19 estados e o Distrito Federal participaram do CDE que apontou algumas ressalvas à proposta do governo e que serão levadas para debate na plenária nacional da maioria dos servidores do Executivo que acontece nesta quinta, 10, na sede do Sindsep-DF, em Brasília. Entre as ressalvas, os servidores apontam tentativa de antecipar o início da mudança de regras na pontuação da gratificação para fins de aposentadoria para 2016 e não 2017 como propõe o governo. A categoria também quer tentar garantir uma cláusula revisional para discutir percentual de inflação caso ele ultrapasse as previsões do governo.

No CDE apenas dois estados rejeitaram totalmente a proposta, os demais concordaram em buscar um acordo considerando as ressalvas feitas. As discussões de hoje serão levadas para a plenária nacional que dará o aval definitivo e ditará os rumos dessa reta decisiva do processo de negociações com o governo. A Condsef também vai continuar buscando reuniões específicas dos setores de sua base. Durante o CDE servidores do Instituto Evandro Chagas sinalizaram que devem rejeitar integralmente a proposta do governo. Servidores do Incra, MDA e Cultura ainda estão em debate. Assembleias nacionais dessas categorias devem ocorrer para promover debate e definir o que pretende a maioria diante do cenário apresentado.


Fórum busca conversa no Planejamento

A Condsef também participou nesta quarta de uma reunião ampliada do Fórum das Entidades Nacionais dos Servidores Públicos Federais (Fonasef). As mais de 20 entidades que representam o conjunto dos federais das Três Esferas avaliam que a unidade da categoria foi fundamental para tirar o governo da inércia da proposta cristalizada em quatro anos. Hoje, representantes do fórum foram até o Planejamento tentar uma reunião com o secretário de Relações do Trabalho, Sérgio Mendonça, que estava fora de Brasília. O fórum vai continuar tentando uma reunião com Mendonça para essa semana.

http://condsef.org.br/inicial/7050-2015-09-09-22-00-13

Esta publicação tem caráter meramente informativo. Todos os artigos e notícias são de responsabilidade de seus autores e fontes, conforme citados acima no link, não refletindo necessariamente a opinião deste site.

Tire suas dúvidas jurídicas com um advogado online.

Discuta este e outros assuntos de seu interesse no Fórum do Servidor Federal. Clique aqui para participar!

Clique aqui, baixe gratuitamente o aplicativo do Portal do Servidor Federal, e receba um resumo de todas as notícias no seu smartphone.