Entrega de cargos reúne mais de 100 auditores fiscais


Compartilhe esta publicação:

Na reunião com os representantes do movimento, o superintendente José Guilherme Vasconcelos reconheceu a situação delicada dos auditores e confessou estar “tão indignado como qualquer colega”, mas ponderou que a tática escolhida para pressionar o governo poderia acabar com a autonomia administrativa da RFB, para ele, o aspecto “mais importante a ser resguardado dentro do órgão”. José Guilherme considera o afastamento das funções um “absurdo”, muito embora, tenha sido informado de que a entrega dos cargos de chefia tem sido em grande parte voluntária, numa demonstração de que a mobilização ganhou força e vida própria.

A temperatura continua elevada na Receita Federal. No último dia 18 de agosto, mais de 100 auditores fiscais atenderam à convocação da Delegacia Sindical de São Paulo e se reuniram para discutir a entrega de cargos. Os acontecimentos dos últimos dias têm produzido um efeito unificador na categoria, que dá sinais de que está disposta a seguir até o fim com o movimento pela valorização do cargo.

Bom indicador de que a categoria está, de fato, mobilizada foi apresentado por um dos membros do Comando Local de Mobilização, José Caetano dos Santos. Segundo o informe repassado por ele, mais de 80% dos cargos já foram entregues em São Paulo.

José Caetano recolheu esse dado na série de visitas que realizou no dia 12 em todas as unidades da RFB na Capital. Durante as visitas, ele convidou os colegas, que o acompanhavam, a dar depoimentos sobre o encontro com os delegados que ainda resistem em colocar os cargos à disposição. A finalidade das visitas foi esclarecê-los sobre as implicações do ato para o sucesso do movimento.

Coube ao presidente da DS/SP, Osvaldo Martins, resumir a importância estratégica da entrega dos cargos. “Estamos em uma luta em que a vitória não será por nocaute. Ela será vencida por pontos. Precisamos continuar mobilizados”, convocou.

Em seguida à reunião com os mais de 100 colegas, o superintendente da 8ª RF, José Guilherme Vasconcelos, acabou por atender ao pedido de outro membro da CLM, Pedro Oliveira, e recebeu em audiência representantes da categoria.


Reunião com o superintendente

Na reunião com os representantes do movimento, o superintendente José Guilherme Vasconcelos reconheceu a situação delicada dos auditores e confessou estar “tão indignado como qualquer colega”, mas ponderou que a tática escolhida para pressionar o governo poderia acabar com a autonomia administrativa da RFB, para ele, o aspecto “mais importante a ser resguardado dentro do órgão”. José Guilherme considera o afastamento das funções um “absurdo”, muito embora, tenha sido informado de que a entrega dos cargos de chefia tem sido em grande parte voluntária, numa demonstração de que a mobilização ganhou força e vida própria. É um recado claro da insatisfação da categoria, que vai além dos limites do Sindifisco. O superintendente, porém, não apresentou nenhuma alternativa melhor para o movimento. Garantiu, entretanto, que sua equipe está trabalhando fortemente no fornecimento de subsídios técnicos para o atendimento dos pleitos da categoria.

Outros pontos foram discutidos na reunião, tais como a comunicação interna do órgão e a divulgação dos feitos da RFB e da revisão do Regimento Interno.

Pelos auditores fiscais, estavam presentes à reunião os colegas Bruno Silveira, Eric Hato, Antonio Carlos, os membros do CLM, José Caetano e Pedro Oliveira, e o presidente da DS/SP, Osvaldo Martins. A administração foi representada pelos superintendentes adjuntos, Marcos Silveira e Marcelo Barreto, e os respectivos chefes de divisão do Planejamento, dos Maiores Contribuintes e da Fiscalização, Itamar Miranda, Edmundo Spolzino e Augusto Kumakura.

http://www.ocabrestosemno.com.br/index.php?option=com_content&view=article&id=4067:sindifisco-dssp-entrega-de-cargos-reune-mais-de-100-auditores-fiscais&catid=172:noticias

Esta publicação tem caráter meramente informativo. Todos os artigos e notícias são de responsabilidade de seus autores e fontes, conforme citados acima no link, não refletindo necessariamente a opinião deste site.

Tire suas dúvidas jurídicas com um advogado online.

Discuta este e outros assuntos de seu interesse no Fórum do Servidor Federal. Clique aqui para participar!

Clique aqui, baixe gratuitamente o aplicativo do Portal do Servidor Federal, e receba um resumo de todas as notícias no seu smartphone.