Servidores da PRF podem parar a partir do dia 17


Compartilhe esta publicação:

Servidores da Polícia Rodoviária Federal (PRF) prometem parar a partir do dia 17 deste mês. É o que alerta o sindicato da categoria, caso não se encontre soluções para a carreira dos agentes. Um das situações que desagrada os servidores é uma decisão do Tribunal de Contas da União (TCU), recomendada pelo Ministério Público Federal (MPF) do Distrito Federal, que não reconhece os serviços administrativos como atividade de risco - necessário para a aposentadoria especial.

No Rio Grande do Sul, mais de 100 servidores atuam nesta função na Superintendência da PRF, em Porto Alegre. Na manhã de quarta-feira, os agentes solicitaram coletivamente, por meio de uma carta aberta, para serem removidos das atividades administrativas. “Se for acatado, haverá esvaziamento da superintendência”, explica o diretor social do sindicato, Maicon Nachtigall.

Hoje, para a aposentadoria especial de 30 anos, no mínimo 20 anos devem ser em atividade exclusivamente policial, devido a situação de risco “E é essa contagem que o TCU e MPF não querem contabilizar em cargos administrativos”, diz Nachtigall. O sindicato não descarta a possibilidade de procurar a justiça para que sejam removidos de setores administrativos. “Muitos estão ali não porque querem, mas por terem sido convocados para setores administrativos”. A categoria também solicitou uma audiência com o Ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, para mostrar o descontentamento dos servidores. Um abaixo-assinado está sendo organizado para ser entregue em Brasília.

Outra situação que preocupa a categoria é o fechamento de postos da Polícia Rodoviária Federal (PRF) no interior do Estado, gerando acúmulo de trabalho. “Hoje temos um efetivo igual a de 20 anos atrás. E durante esse período a frota de veículos no Estado triplicou e a população no RS também aumentou”. Ao todo 700 policiais rodoviários federais trabalham no Estado, incluindo cargos administrativos e de chefia, de acordo com levantamento do Sindicato. O ideal seria 1,2 mil servidores trabalhando.

http://www.correiodopovo.com.br/Noticias/561208/Servidores-da-PRF-podem-parar-a-partir-do-dia-17

Esta publicação tem caráter meramente informativo. Todos os artigos e notícias são de responsabilidade de seus autores e fontes, conforme citados acima no link, não refletindo necessariamente a opinião deste site.

Tire suas dúvidas jurídicas com um advogado online.

Discuta este e outros assuntos de seu interesse no Fórum do Servidor Federal. Clique aqui para participar!

Clique aqui, baixe gratuitamente o aplicativo do Portal do Servidor Federal, e receba um resumo de todas as notícias no seu smartphone.