Veja lista dos concursos federais mais quentes de 2013


  

2012 chegou ao fim, e 2013 apresenta-se renovando as esperanças de quem pretende ingressar na carreira pública. O ano promete ser de muitas boas novas em todas as esferas de poder. Levantamento feito pela Folha Dirigida Online apenas sobre os principais concursos federais aponta um total de 23.234 postos de trabalho, entre cargos dos níveis médio, médio/técnico e superior. Com salários que variam de R$1.765,38 a R$15.274,60. A expectativa é de que, somando-se essas vagas federais àquelas que serão abertas nas esferas estadual e municipal ao longo do ano que se inicia, o quantitativo nacional supere as 130 mil oportunidades. A expectativa é de que cerca de 12 milhões de brasileiros se inscrevam em concursos este ano.

Nesta matéria, especialistas destacam as melhores seleções em pauta. E dão dicas para os candidatos. O fiscal de rendas do município do Rio de Janeiro e fundador da Editora Ferreira, Ricardo Ferreira, acredita que 2013 será um grande ano para os concursos. "Ainda não será um ano como 2008 ou 2009, mas certamente será melhor que 2011 e 2012, nos quais o governo federal ou não fez concursos, ou abriu seleções com poucas vagas. Em 2013 teremos certames mais atraentes, de maior expressão", comenta.

A também fiscal de rendas do município do Rio e escritora, Lia Salgado, destaca a seleção dos Correios. "Dentre os concursos federais, este merece atenção especial, em razão do número de vagas esperado. O anterior, realizado em 2011, teve mais de 1 milhão de inscritos e já contratou um número maior de funcionários do que as vagas oferecidas naquele edital", diz. Ricardo Ferreira também ressalta outros processos seletivos que devem atrair milhares de concorrentes. "Existe previsão de excelentes concursos federais para 2013, entre eles Banco Central, INSS, Polícia Federal, Polícia Rodoviária Federal e Ministério Público da União".




Para Lia, é importante os candidatos escolherem a área de estudos. "Sempre defendo a ideia de que o concurseiro deve escolher uma área de concurso e iniciar a preparação a partir das matérias básicas daquela área. Essa estratégia permite adiantar a preparação, deixando-o em condições de participar de um leque maior de concursos que possam surgir. Ficar aguardando a publicação de um só edital, que pode demorar, reduz o número de oportunidades e pode gerar frustração", declara.

Para o fiscal de rendas, é importante iniciar logo a preparação e não desistir no meio do caminho. "Os concursos nunca vão acabar, de modo que se não for alcançado um bom resultado num curto espaço de tempo, o esforço acumulado ajudará no sucesso a médio e longo prazo". Opinião compartilhada por Lia Salgado. "Sempre é tempo de começar e, quanto antes, melhor. Quem deixa para depois, quando olha para trás percebe que meses ou anos se passaram sem proveito. Ao passo que, se a pessoa inicia a preparação, quando menos esperar já terá conquistado a vaga desejada", diz.

A Folha Dirigida Online elaborou um ranking com 20 órgãos federais que devem lançar edital em 2013. Aproveite e corra em busca do seu sonho!


Agência Nacional de Saúde Suplementar

A ANS irá realizar concurso para 82 vagas distribuídas pelos níveis médio e superior. De acordo com a assessoria da agência, os preparativos já foram iniciados. No momento, a autarquia concentra esforços no sentido de elaborar o projeto básico do certame que será encaminhado para instituições organizadoras.

Das oportunidades, três são para técnico em regulação (nível médio; R$5.288,98), 21 para técnico administrativo (nível médio; R$5.064,18), 26 para especialista em regulação (superior; R$10.323,20) e 31 para analista administrativo (superior; R$9.567,20). Os valores incluem o vale-alimentação, de R$304, e a gratificação de desempenho. Os novos servidores terão a estabilidade garantida, devido ao regime estatutário.

Não há uma definição acerca da distribuição de vagas, porém, na seleção anterior, realizada em 2005, os aprovados foram lotados da seguinte forma: Rio de Janeiro, Distrito Federal, São Paulo, Minas Gerais, Rio Grande do Sul, Ceará, Pará, Bahia, Pernambuco e Paraná.


Agência Nacional de Transportes Terrestres

O concurso da ANTT criará 135 vagas para cargos dos níveis médio e superior, sendo dez para o cargo de técnico administrativo, 45 para técnico em regulação de serviços de transportes terrestres, 17 de analista administrativo e 63 de especialista em regulação de serviços de transportes terrestres. Os ganhos iniciais são considerados atraentes, de R$5.064,18 para técnicos administrativos e R$5.288,98 para técnicos em regulação (cargos que exigem o nível médio). Já analista administrativo e especialista em regulação (funções que requerem formação superior), terão vencimentos de R$9.567,20 e R$10.323,20, respectivamente. Segundo portaria do Ministério do Planejamento, a autarquia tem até maio do ano que vem para publicar o edital da seleção


Anvisa

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária foi autorizada pelo Ministério do Planejamento a realizar concurso para o preenchimento de 165 vagas em cargos dos níveis médio e superior. Conforme a Portaria nº 584, publicada no Diário Oficial da União (DOU), a autarquia tem seis meses para divulgar o edital. O prazo vai, portanto, até 4 de junho do ano que vem. Para o nível médio, foram liberadas 45 vagas, sendo dez para técnico administrativo e 35 para técnico em regulação e vigilância sanitária. Dessa forma, a maior parte das chances no concurso será para os cargos de nível superior.

Foram autorizadas 100 vagas para especialista em regulação e vigilância sanitária e 20 para analista administrativo. Pela tabela de remuneração dos servidores públicos federais, divulgada pelo Planejamento, a remuneração inicial, já com auxílio-alimentação, de R$304, é de R$5.064,18 para técnico administrativo, de R$5.288,98 para técnico em regulação, R$10.323,20 para especialista e de R$9.567,20 para analista. As contratações da agência são pelo regime estatutário, que proporciona estabilidade e, além da sede, em Brasília, a Anvisa possui unidades em todos os estados brasileiros. A distribuição das vagas, no entanto, ainda será informada.


Banco do Brasil

O BB deverá intensificar os preparativos do concurso para escriturário (nível médio), destinado ao Rio de Janeiro, no início do ano que vem, de acordo com a Assessoria de Imprensa da instituição. O banco costuma divulgar o edital cerca de três a seis meses antes da validade do anterior terminar. Como a seleção para o Rio vence em setembro, o documento deverá sair entre março e junho. Segundo fontes, é provável que a organizadora seja a Fundação Carlos Chagas (FCC), a responsável pelo concurso atual, destinado a 15 estados. Os estados do Espírito Santo, Minas Gerais, Rio Grande do Sul e parte do Amazonas e de Santa Catarina também serão contemplados na próxima seleção.

A seleção, como ocorre tradicionalmente, é para formação de cadastro de reserva, mas o BB tem por tradição de chamar muitos aprovados em seus concursos. A remuneração é de R$2.732,04, sendo R$1.892 de salário-base, R$472,12 de auxílio-refeição e R$367,92 de cesta-alimentação, para carga de trabalho de 30 horas semanais.


Banco Central

Um dos concursos mais esperados de 2013 é o do BC, para o qual foram solicitadas 1.850 vagas para o biênio 2013-2014, sendo 400 de técnico, de nível médio, com remuneração inicial de R$5.221,28; 1.330 de analista e 120 de procurador, ambos de nível superior (bacharelado em Direito, no caso de procurador), com iniciais de R$13.264,77 e R$15.274,60, respectivamente (todos os valores incluem o auxílio-alimentação, de R$304).

Para 2013, a demanda da autarquia é de 1.090 novos servidores, dos quais 200 técnicos, 830 analistas e 60 procuradores. A intenção do banco é divulgar os editais da seleção em, no máximo, três meses após a autorização do Ministério do Planejamento, que era esperada para até o fim dde 2012, mas ainda não foi concedida.


Comaer

Os interessados em ingressar no Comando da Aeronáutica já podem iniciar os estudos. Segundo a assessoria do órgão, os preparativos para a escolha da organizadora estão na reta final e o edital será lançado em breve. O prazo máximo para divulgação é até 16 de fevereiro. A seleção irá ofertar 254, sendo 13 para o magistério e 241 para o quadro das carreiras de pesquisa, de desenvolvimento tecnológico e de gestão, planejamento e infraestrutura em ciência e tecnologia. Os cargos oferecidos serão: pesquisador assistente (9), analista júnior (19), tecnologista pleno (21), tecnologista júnior (28), assistente em ciência e tecnoclogia (60) e técnico (104).

As remunerações variam de R$2.546,13 a R$7.017,92. Os valores incluem vencimento-base, gratificação de desempenho de atividade em C&T (GDACT) e por titulação (mestrado para o cargo de pesquisador assistente e tecnologista pleno). As oportunidades deverão ser distribuídas pelas seguintes cidades: São José dos Campos (SP), Alcântara (MA) e Natal (RN). Já para o magistério, serão três vagas para a área de Matemática. Os requisitos das demais 10 vagas ainda não foram definidos. A lotação será no Instituto de Tecnologia de Aeronáutica (ITA), em São José dos Campos. A remuneração será de R$2.872,85, de acordo com a tabela dos servidores públicos federais. O valor pode aumentar, tendo em vista as especializações do servidor. A jornada será de 40 horas semanais.


Correios

A empresa solicitarou ao Ministério das Comunicações a abertura de 13.727 novas vagas em seu quadro de pessoal. Deste total, entre 9 e 10 mil serão para o preenchimento por meio de novo concurso e as demais para convocação de aprovados da última seleção, realizada em 2011. A intenção da instituição é divulgar edital no primeiro trimestre de 2013. A estatal faz um levantamento de quais cargos e localidades estão sem cadastro de reserva e, portanto, devem ser contemplados na seleção. O número de oportunidades será definido depois que esse estudo for concluído.

A maioria das oportunidades será para quem tem o nível médio, nos cargos de carteiro, operador de triagem e transbordo e atendente comercial. A remuneração é de R$1.871,86 ou R$1.765,38, sendo R$1.004,02 de vencimentos iniciais, R$718,74 de vale-alimentação para quem trabalha 27 dias por mês e R$612,26 para 23 dias e R$149,10 de vale cesta-básica. Além disso, deverá haver chances para técnico de operação e técnico de atendimento e venda, cujo requisito é o médio/técnico. A remuneração é de R$2.653,84 ou R$2.547,36, sendo R$1.786,14 de salário inicial. Já para o superior, as carreiras provavelmente serão as mesmas da última seleção, realizada em 2011, como enfermeiro do trabalho, engenheiro de segurança do trabalho, médico do trabalho e analista de Correios, entre outros. A remuneração, nesse caso, é de R$4.608,35 ou R$4.501,87, sendo R$3.740,51 de vencimento base.


Depen

O Departamento Penitenciário Nacional já possui autorização para a realização de concursos para 153 vagas ainda no primeiro semestre. O destaque é o cargo de agente penitenciário federal, para o qual serão oferecidas 100 vagas, com remuneração inicial de R$4.650,04, incluindo auxílio-alimentação, de R$304. Para concorrer será necessário possuir, pelo menos, o ensino médio completo (no último concurso, em 2008, também foi exigida a carteira de habilitação B ou superior). O departamento também selecionará para técnico de apoio à assistência penitenciária (quatro vagas; nível médio/técnico; R$3.159,97), especialista em assistência penitenciária (34; superior; R$4.521), engenheiro (dez; superior; R$5.138,22) e analista técnico-administrativo (cinco; superior; R$4.018,22).


Ibama

Com previsão de publicação para março de 2013, com possibilidade de antecipação para fevereiro, as normas do concurso para analista administrativo do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis já estão sendo preparadas por um grupo de trabalho. Das 61 vagas que serão oferecidas, o Distrito Federal ficará com a maior parte. Haverá oportunidades para 19 ou 20 estados de todas as regiões do país, com distribuição a ser definida. A seleção é para candidatos que possuem formação superior. Os tecnólogos (concluintes de cursos superiores de curta duração, reconhecidos pelo MEC) também poderão participar, assim como acontece no concurso para analista ambiental, em andamento. A organizadora ainda não foi escolhida.


INSS

Para 2013, o Instituto Nacional do Seguro Social pode receber autorização para realizar concurso para o cargo de analista do seguro social. A ministra do Planejamento, Miriam Belchior, adiantou que o orçamento para o próximo o ano prevê a contratação de 2.300 profissionais para o o instituto. O cargo exige o nível superior (em diversas áreas de formação) e proporciona remuneração de R$5.842, sendo R$742,02 de salário-base, R$1.187,23 de Gratificação de Atividade Executiva, R$3.608,80 de Gratificação de Desempenho de Atividades do Seguro Social e R$304 de auxílio-alimentação. Os profissionais são responsáveis pela análise e concessão de benefícios. Atualmente, há 3.060 cargos vagos de analista na estrutura do INSS. Para reforçar a necessidade do concurso, a Diretoria de Recursos Humanos da autarquia já encaminhou uma nota técnica justificando a realização de uma nova seleção para a carreira.


Ministério das Cidades

O Ministério das Cidades planeja lançar o edital de mais um concurso até maio de 2013. Serão 130 vagas em cargos dos níveis médio, médio/técnico e superior, todas para Brasília, onde fica a sede do ministério. De acordo com a Assessoria de Comunicação, ainda não começou o processo de escolha da organizadora. Do total de oportunidades, haverá 78 para o nível médio (agente administrativo) e duas para o médio/técnico (técnico em Contabilidade), com remuneração de R$2.626,02. No nível superior, para economista (8) e estatístico (1), com ganhos de R$5.138,22, além de agente técnico-administrativo (35), técnico em Comunicação Social (2), contador (2) e arquivista (2), que recebem R$4.018,22. Todos os valores incluem o auxílio-alimentação, de R$304.


Ministério da Cultura

O MinC prepara concurso para 83 vagas de técnico de nível superior, admitindo candidatos com qualquer área de formação. O órgão ganhou mais seis meses, ou seja, até o dia 22 de abril, para divulgar o edital do concurso, que servirá para reestruturar os sistemas de acompanhamento e prestação de contas dos projetos culturais incentivados no âmbito da Lei nº 8.313. Segundo a Assessoria de Imprensa do MinC, as oportunidades serão somente para o Distrito Federal.


Ministério da Fazenda

Previsto para a primeira quinzena de janeiro, já foi divulgado o edital do concurso para 255 vagas de analista de finanças e controle (AFC), para lotação na Secretaria do Tesouro Nacional (STN). O cargo tem ganhos iniciais de R$12.961, segundo a tabela dos servidores públicos federais. Com a inclusão dos R$304 do auxílio-alimentação, o valor passa para R$13.265. Os selecionados trabalharão em Brasília, mas haverá aplicação de provas objetivas em todas as capitais de estado, além do Distrito Federal. As inscrições já estão abertas, no site da Esaf, com taxa de R$120.


Ministério da Integração Nacional

A pasta se prepara para lançar edital com 122 vagas para assistente técnico-administrativo (33 vagas), de nível médio, analista (85) e engenheiro (4), ambos de grau superior. O órgão já escolheu o Cespe/UnB para organizar a seleção, mas a instituição aguarda a assinatura do contrato para definir a data de abertura. Atualmente, a função do nível médio tem remuneração de R$2.626,02, incluindo o valor de R$304 para alimentação. Já as do superior, de R$4.019,02 (analista) e R$5.318,22 (engenheiro), somando o mesmo benefício.


Ministério da Justiça

O MJ vai divulgar até junho o edital do concurso autorizado para 110 vagas em cargos de nível superior. A maior parte das vagas, 95, será para analista técnico-administrativo. Haverá ainda dez chances para administrador, quatro para economista e uma para contador. Em todos os casos, os ganhos mensais, que já incluem o auxílio-alimentação, de R$304, serão de R$4.018,22.


Ministério da Saúde

O Ministério trabalha para a abertura de dois concursos no primeiro semestre de 2013, para o preenchimento de 265 vagas em sua administração e de 2.500 na área de Saúde Indígena. Embora tenha até junho de 2013 para isto, o MS tem expectativa de abrir a primeira seleção ainda em janeiro. O prazo da segunda encerra-se em 7 de janeiro, mas deverá ser prorrogado.

As oportunidades para serão para analista técnico-administrativo (16), administrador (224), bibliotecário (3), contador (7), economista (9) e engenheiro (6). A remuneração é de R$4.018,02, com R$304 de alimentação. Economistas e engenheiros recebem R$5.138,22. Para a Saúde Indígena, haverá diversos cargos nos níveis médio/técnico e superior, abrangendo diversos estados. A remuneração é de R$2.156,42 (médio/técnico) e R$3.225,42 (nível superior).


Ministério Público da União

O MPU prepara, para 2013, o seu sétimo concurso para servidores, nos cargos de técnico e analista, cujas escolaridades são os níveis médio ou médio/técnico e superior, respectivamente. O número de vagas ainda será definido, mas no orçamento federal, encaminhado para o Congresso Nacional, foram destinadas verbas para a contratação de até 2.200 novos servidores.

O concurso anterior foi organizado pelo Cespe/UnB e atraiu mais de 700 mil candidatos. De acordo com o MPU, ao todo, houve aproximadamente 3.100 nomeações. A remuneração inicial dos técnicos e analistas é de R$4.694,09 e R$7.252,52, respectivamente, incluído o auxílio-alimentação, de R$710. Há outros benefícios.


Ministério do Trabalho e Emprego

O MTE solicitou ao Ministério do Planejamento o preenchimento de 629 vagas de fiscal, que requer o nível superior (em qualquer área de formação) e proporciona rendimentos de R$13.904, sendo R$304 referentes ao auxílio-alimentação. Os auditores fiscalizam o cumprimento de disposições legais e regulamentares, inclusive as relacionadas à segurança e à medicina do trabalho, no âmbito das relações de trabalho e de emprego, entre outras atribuições. O pedido de concurso tem tramitação no Ministério do Planejamento bastante avançada.


Polícia Federal

A PF já tem confirmada para 2013, pelo Ministério da Justiça e pela ministra Miriam Belchior, do Planejamento, a realização de concurso para 1.200 vagas. Serão 600 só no cargo de agente, 450 no de escrivão e 150 no de delegado. Para concorrer aos dois primeiros será necessário o ensino superior completo em qualquer área, além da carteira de habilitação B ou superior. No caso de delegado, a escolaridade precisa ser o bacharelado em Direito. Há também o requisito da habilitação. As remunerações iniciais são de R$7.818 para agente e escrivão e de R$13.672 para delegado, já com o auxílio-alimentação, no valor de R$304.


Polícia Rodoviária Federal

Após mais de três anos sem abrir uma nova oportunidade para os interessados em atuar na atividade-fim do departamento (devido a problemas na última seleção) a PRF deverá realizar em 2013 um novo concurso, com oferta de 1.500 vagas de policial rodoviário federal. O cargo é aberto àqueles que possuem o ensino superior completo em qualquer área e carteira de habilitação, na categoria B em diante, e proporciona ganhos de R$6.108,95 no início da carreira, já com o auxílio-alimentação de R$304. A PRF já informou que a previsão é de que o concurso aconteça no início deste ano, no entanto, ainda é necessária a autorização do Ministério do Planejamento.
Fonte: Folha Dirigida


Cursos On-line 24 Horas - Educação a Distância de Qualidade

Discuta este e outros assuntos de seu interesse no Fórum do Servidor Federal. Clique aqui para participar!

Clique aqui e baixe gratuitamente o aplicativo do Portal do Servidor Federal para celulares, disponível para aparelhos com sistema android, HTML5 e java, e receba um resumo de todas as notícias no seu telefone!

Cadastre aqui o seu email e receba diariamente um boletim com todas as notícias publicadas aqui no Portal.