Integração Nacional : Prazo abre na segunda. Até R$5.460


Quem sonha em ingressar na carreira púlbica em 2012 terá uma ótima oportunidade, pois o Ministério da Integração Nacional lançou concurso com objetivo de preencher 52 vagas imediatas no quadro de pessoal para cargos de nível superior. Todas as oportunidades se destinam para o Centro Nacional de Gerenciamento de Riscos e Desastres (Cenad), vinculado à pasta, em Brasília.

As inscrições serão aceitas entre os dias 2 e 15 de janeiro, pelo site da organizadora, a Escola de Administração Fazendária (Esaf). O ministério deseja que as convocações sejam iniciadas já no próximo semestre. A seleção terá validade de um ano, mas pode ser prorrogada pelo mesmo período.

A maior parte das oportunidades (29) é para analista técnico-administrativo, aberto para candidatos graduados em qualquer área de formação. Nesse cargo, o campo de atuação é na Defesa Civil. As demais 23 oportunidades estão divididas entre duas para assistente social, duas para estatístico, duas para geólogo, duas para meteorologista, duas para químico, seis para engenheiro (uma para Recursos Hídricos, uma para Telecomunicações, duas para Incêndios Florestais e duas para Geoprocessamento) e sete para analista de sistemas.

Seguindo o Plano de Carreiras e de Cargos do Poder Executivo, a remuneração, para todos cargos, será de R$3.534,22, excetuando engenheiro, estatístico e geólogo, funções que proporcionam rendimentos superiores, de R$5.460,02.

Inscrição - Após preencher a ficha, o concorrente terá que retirar o boleto de R$80 (analista de sistemas, analista técnico-administrativo, assistente social, meteorologista e químico) ou R$100 (engenheiro, estatístico e geólogo). O documento poderá ser quitado em qualquer agência bancária, até dia 16 de janeiro.



O processo de avaliação abrangerá uma única etapa, composta por prova objetiva de Conhecimentos Gerais e Específicos, programada para 4 de março, somente em Brasília. A parte de Conhecimentos Gerais constará de 65 questões, sendo dez de Informática Básica, 12 de Atualidades, 13 de Direito Constitucional, 15 de Direito Administrativo e 15 de Língua Portuguesa. O grupo das específicas terá 40 perguntas: dez de Legislação Específica e 30 sobre disciplinas referentes ao cargo.
Notícia extraída de: Folha Dirigida
Compartilhe

Todas as notícias e artigos publicados são de responsabilidade de seus autores e fontes, conforme citados acima no link, não refletindo a opinião do Portal do Servidor Federal.


Discuta este e outros assuntos de seu interesse no Fórum do Servidor Federal. Clique aqui para participar!

Acompanhe também o Portal do Servidor Federal pelo Facebook e pelo Twitter.

Clique aqui e faça cursos de capacitação 100% online com certificado, a partir de R$ 20,00.

Baixe gratuitamente nosso aplicativo, e receba um resumo de todas as notícias no seu smartphone.
Notícia anterior
Próxima notícia